Ex-aluno da Orquestra de Violões ganha bolsa para estudar com renomado professor

A Orquestra de Violões de Teresina (OVT), realizou no final do mês de abril, inscrições para a seleção de uma bolsa de estudos na escola do renomado concertista mineiro Cristiano Braga. A ação fez parte das estratégias de divulgação do ensino e da prática do instrumento na cidade, sendo a mesma liderada pelos músicos da OVT.

Com a realização do processo de escolha, se destacou o jovem Marcos Vinícius Souza Fialho, violonista, ex aluno do Projeto de Violões, desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Fundação Cultural Monsenhor Chaves. Neste primeiro momento, irá participar apenas de aulas remotas, devendo passar para as aulas presenciais de acordo com sua desenvoltura. “A bolsa AJRodrigues foi bastante disputada, por isso me sinto grato por ter sido o beneficiado. Agora é se dedicar aos estudos para que no futuro eu seja um concertista destaque nacional”, conta Marcos Vinícius, que desde os 15 anos de idade vem se dedicando ao violão.

De acordo com Ravi Cordeiro, membro da OVT, a criação das bolsas de estudos surgiu através de uma parceria do próprio violonista mineiro com o luthier piauiense Antônio José Rodrigues (nome que homenageou a bolsa), que desde 2005 fabrica violões clássicos de seis, sete e oito cordas. Ravi Cordeiro explica que o professor é um dos mais renomados do país e que é conhecido por transformar jovens em concertistas campeões de competições nacionais e internacionais, valorizando a arte de tocar violões.

“Com essa bolsa, vamos dar a esse jovem a possibilidade de entrar no cenário cultural através dos ensinamentos de um grande concertista. Para se ter ideia dos custos, uma única aula com esse professor, custa em média R$150 reais, valor que é inviável para muitos dos jovens teresinenses”, comenta Ravi Cordeiro, afirmando ainda que essa seleção também faz parte das atividades que antecedem o Festival de Violões de Teresina, que este ano será realizado de forma remota por conta da pandemia do Novo Coronavírus.

Sobre o professor

Cristiano Braga, é professor Doutor em Música na Universidade Federal do Maranhão e em seu extenso currículo, além de professor e concertista com mais de 20 anos de experiência nacional e internacional, o violonista é bacharel em violão e licenciado em música pela UFMG, mestre em música/violão pela UFRS e doutor em violão pela UFMG.

Sobre a OVT

A Orquestra de Violões de Teresina, coordenada pelo músico Dam Bezerra, é mantida pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Para mais informações sobre as ações da cultura no município, basta acessar o site cultura.teresina.pi.gov.br.

Teatro João Paulo II abre inscrições para Curso de Violão Popular

Iniciam na próxima segunda-feira (18/01) e seguem até o próximo dia 22 de janeiro as inscrições para o Curso de Violão Popular oferecido pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Monsenhor Chaves (FMC). Para evitar aglomerações por conta da pandemia do Covid-19, as aulas serão realizadas de forma remota e para participar basta que os interessados sejam maiores de 10 anos e tenham computador ou celular com acesso à internet.

De acordo com Janara Ribeiro, diretora do Teatro João Paulo II, serão disponibilizadas 30 vagas, sendo todas elas destinadas preferencialmente aos moradores da zona Sudeste de Teresina. Ainda de acordo com a diretora, pessoas de outras regiões também poderão se matricular e entrarão em uma fila de espera para ocuparem as vagas em casos de desistências.

“Por conta da pandemia, o teatro teve que cancelar vários espetáculos, cursos e oficinas e agora vamos trabalhar de forma remota para que a população continue tendo acesso aos nossos serviços”, comenta.

As aulas serão gratuitas e ocorrerão no turno da tarde nos dias de terça-feira e quarta-feira, tendo duração de 90 dias. As matrículas serão feitas apenas pelo telefone através do número (86) 99539-0192, não havendo a necessidade do interessado se dirigir até o teatro.

Além da casa de espetáculos está totalmente ambientada e com capacidade para 290 pessoas e espaço para cadeirantes, o Teatro João Paulo II, localizado na Avenida Joaquim Nelson, no Bairro Parque Ideal, possui salas de aula de dança e teatro, cabines com modernos equipamentos de som e luz e, principalmente, energia positiva que emana dos que lá trabalham e se dedicam à arte de transformar um simples lugar num espaço de possibilidades de crescimento da educação e de uma independência cultural.

Para saber mais sobre o calendário de cursos oferecidos pelo teatro basta acessar o site fcmc.teresina.pi.gov.br ou seguir as redes sociais do teatro e da Fundação Monsenhor Chaves.