Viola ou Violino? Professor explica a diferença entre esses dois instrumentos

A viola, como o violino, são instrumentos musicais de arco e quatro cordas, que são colocados entre o ombro e o queixo e podem ser tocados beliscando ou dedilhando as suas cordas, mas normalmente é tocado com o arco, geralmente feito de madeira e com cerdas de fios de crina de cavalo.

A viola e o violino são também muito parecidos visualmente, que muitos só conseguem perceber a diferença ao colocar um instrumento ao lado do outro para identificar qual é o maior, que seria a viola. A maneira de tocar é muito semelhante, o que possibilita que o músico que está aprendendo um desses instrumentos também consiga tocar o outro. No entanto, a viola possui um som mais encorpado, doce, menos estridente e mais grave, sendo o seu registo, um intermédio entre o violino e o violoncelo. Além destes três instrumentos, a família dos instrumentos de cordas friccionadas é composta também pelo contrabaixo.

Uma analogia que pode ser feita para identificar o som de cada um desses instrumentos é utilizando a classificação vocal humana. O violino estaria para as sopranos (vozes agudas femininas), a viola para as contraltos (vozes graves femininas), o violoncelo para os tenores (vozes agudas masculinas), e o contrabaixo para os baixos (vozes graves femininas).

Raphael Rodrigues, ex-aluno da Orquestra Escola e hoje professor de viola na mesma, conta as características sonoras da viola e que por muitas vezes ela só é conhecida ao se estudar o violino.

“A viola e o violino são tão parecidos, que muitas pessoas nem sabem da existência dela, só sabem do violino, violoncelo e contrabaixo, então muitos conhecem a viola ao procurarem pelo violino, como foi o meu caso. E ao descobrir que podia tocar tanto agudos como graves, com um som mais aveludado, eu me apaixonei pela viola e hoje é um caso de amor”, destaca.

Aluno da Orquestra Escola, Tiago Visgueira aponta que ao conhecer a viola durante uma apresentação da Orquestra Sinfônica de Teresina, se apaixonou pelo instrumento e buscou conhecer mais sobre ele.

“Tive a oportunidade de assistir a uma apresentação sinfônica em 2011, e nela, houve um solo de viola. Fiquei absolutamente encantado com a sonoridade e busquei aprender o instrumento, com muito estímulo de minha família”, pontuou.

A Orquestra Escola cumpre uma função importante de fomento cultural em Teresina na formação de músicos. Muitos deles, hoje, integram os quadros da Orquestra Sinfônica de Teresina. Ela funciona no Palácio da Música de Teresina, casa mantida pela Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que fica localizada à Rua Santa Luzia, n° 1241, Centro/Sul. Mais informações podem ser obtidas no instagram @palaciodamusica ou pelo telefone (86) 3215-7848.

Palácio da Música oferece curso de Viola.

Para participar do curso não é necessário possuir o instrumento. No ato da inscrição será cobrada uma taxa no  valor de R$ 30 reais. Para evitar aglomerações, as inscrições, bem como o pagamento será feito por agendamento via mensagem de texto através do número de Whatsapp (86) 99428-3023.

Horário das aulas

Idade: de 12 a 16 anos;
Horários: Quinta-feira, de 15h30 às 17h ou Sábado, de 9h30 às 11h.