Bloquinho do Bolim&Bolão terá trio elétrico e muita diversão na Ponte Estaiada

Chegou a hora de reunir a criançada para se divertirem em uma tarde de muita festa no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, que fica localizado no bairro de Fátima, na zona Leste de Teresina. Ocorrerá neste domingo, 03 de julho, a partir das 16h, a quarta edição do projeto Bloquinho do Bolim&Bolão, evento que já faz parte do calendário cultural da capital.

Além da dupla de palhaços Bolim&Bolão com suas brincadeiras e músicas a bordo de um trio elétrico, este ano as crianças também contarão com a animação da turma do Animakids e dos tios Fran Filho e Dada. O evento é gratuito ao público, porém de forma opcional, os pais ou responsáveis terão a livre opção de adquirir o abadá do evento, que será vendido no local no valor simbólico de R$ 25 reais.

Para Clóvis Monturil, que faz parte da produção do bloquinho, a expectativa é de que o evento seja mais uma vez um verdadeiro sucesso, pois segundo ele, o bloquinho é tido como o carnaval fora de época das crianças teresinenses. Clóvis conta ainda que o evento contará com uma praça de alimentação completa com tudo que alegra às crianças, tudo organizado para melhor receber os brincantes.

“A expectativa para esse evento é a melhor possível, pois é uma oportunidade para que as crianças possam se divertir ao ar-livre, em um ambiente totalmente seguro. Será uma programação repleta de diversão, isso para que mais uma vez o público infantil, que a cada dia está mais exigente”, conta Clóvis Monturil.

A quarta edição do Bloquinho do Bolim&Bolão é uma realização dos palhaços Bolim&Bolão e este ano conta com investimentos da Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações culturais da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Para mais informações sobre este e outros eventos, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br ou seguir a página Cultura_The no Instagram.

Orquestra de Violões realizará apresentações na Morada do Sol e na Praça Pedro II

Dentro da programação cultural da Prefeitura Municipal de Teresina e da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, a Orquestra de Violões de Teresina (OVT) vai realizar nesta semana duas apresentações públicas e gratuitas. As apresentações ocorrerão hoje (28/07), na Praça da Igreja de São Cristóvão, no bairro Morada do Sol, a partir das 18h e na quinta-feira (30/07), às 17h, na Praça Pedro II, no Centro de Teresina.

Durante o mês de junho, a Orquestra de Violões tem realizado diversas apresentações por toda cidade, com o objetivo de aproximar esse mecanismo de cultura da população teresinense. Por onde passaram, os músicos com seus inseparáveis violões, conseguiram arrancar aplausos e a admiração da plateia presente nas apresentações.

Para Raví Cordeiro, coordenador de projetos da OVT, essas apresentações são uma forma de divulgar o trabalho da orquestra, principalmente o CD e DVD promocional que será lançado em breve. Ainda de acordo com Raví Cordeiro, apesar da OVT ter 14 anos de existência, ela ainda é desconhecida do grande público, por isso foi tomada essa decisão de descentralização das apresentações.

“Nosso prefeito Dr. Pessoa tem nos procurado e cobrado para que a gente saia dos teatros e nos apresentemos também nas praças e parques, pois a intenção dele, é levar cultura para toda a população, independente de classe social. Essa mudança tem sido bem proveitosa, pois agora estamos com um público que antes não iam ver nossas apresentações nos teatros”, comenta Raví Cordeiro.

Além das apresentações, a Orquestra de Violões de Teresina também trabalha com a formação de novos profissionais através de cursos realizados nos teatros municipais, no Palácio da Música e nos CEUS. Os trabalhos da OVT podem ser consultados no site cultura.pmt.pi.gov.br ou na página Cultura_the no Instagram.

Projeto Balé da Cidade Convida inicia nesta sexta (01/07) no Teatro João Paulo II

Nesta sexta-feira (01/07), a companhia de dança Balé da Cidade de Teresina recebe o Corpo de Baile do Teatro do Boi para a primeira apresentação do projeto Balé da Cidade Convida. A apresentação é gratuita e acontece às 19h, no Teatro João Paulo II, que fica localizado na região do grande Dirceu, zona Sudeste de Teresina.

De acordo com Chica Silva, diretora do balé, o projeto Balé da Cidade Convida, tem objetivo de apresentar os repertórios da companhia e também dialogar com diferentes grupos e artistas da cidade, criando contextos de apresentação, de troca entre os grupos e trabalhando também a formação de público e democratização do acesso à cultura. Nesta primeira apresentação, a companhia apresentará o espetáculo “Corpônica”, criação do coreógrafo e dançarino Samuel Alvís, já o Corpo de Baile do Teatro do Boi traz seu espetáculo “Na beira do rio”, coreografia de Matheus dos Santos e Cynthia Layana.

Corpo de Baile do Teatro do Boi

“Esse projeto é uma forma de criar diálogos com outros artistas da dança e levando isso para o público. Entendemos que, desta forma, podemos estimular a aproximação entre os públicos e levar a dança para mais gente”, explica Chica Silva.

O Balé da Cidade de Teresina é uma companhia de dança mantida com recursos da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Os trabalhos da companhia podem ser acompanhados através do site cultura.pmt.pi.gov.br ou da página cultura_the no Instagram.

Arraiá Popular de Teresina acontece nesta sexta e sábado no Parque da Cidadania

As tradicionais festas juninas voltaram a ser realizadas em vários pontos da cidade e agora chegou a vez do Parque da Cidadania, que irá receber o Arraiá Popular de Teresina, nesta sexta-feira (01/07) e sábado (02/07), a partir das 17h30. O evento tem um tom solidário, onde o público está sendo chamado para doar 1kg de alimento não perecível. Os produtos arrecadados serão doados para famílias carentes. Nesse arraiá estarão reunidos nomes da música local, além de grupos culturais como bumba-meu-boi, quadrilhas juninas e atrações circenses para também animar a criançada.

A pedido do prefeito Dr. Pessoa, o Arraiá Popular de Teresina irá acontecer após a realização das festas juninas realizadas nos bairros e comunidades rurais, onde muitas delas tiveram o apoio da Prefeitura Municipal de Teresina e da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. O evento que é gratuito, é uma oportunidade saudável para que as famílias possam se reunir, visitar o parque e ainda prestigiar a cultura em contato com a natureza.

De acordo com Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, assim como diversas cidades brasileiras, Teresina também tem esse costume de celebrar o período junino. Conforme o presidente, a gestão municipal está ao longo do mês apoiando as atividades realizadas nas quatro regiões da capital.

Para o presidente, manter viva essa tradição é respeitar o passado e preservar o que de melhor temos em nossa cultura. Ele lembra ainda que além das atrações, o Arraiá Popular de Teresina contará ainda com uma praça de alimentação com bebidas e comidas típicas, além de um espaço onde os empreendedores locais poderão expor seus produtos.

“Toda família teresinense está convidada a participar desta festa junina que tem a cara do nosso povo, além das atrações, teremos ainda um posto para arrecadação de alimentos, por isso pedimos a quem for ao evento, que se possível, colabore com a campanha solidária que a gente vem fazendo desde janeiro deste ano, sempre arrecadando alimentos em eventos realizados pela pasta da cultura”, comenta Ênio Portela.

Atrações

Sexta-feira (01/7)

18h – Orquestra Sanfônica de Teresina
19h – Quadrilha junina estrela matutina
19h30h– Show musical Mari Carvalho
20h40 – Bumba meu boi
21h – Show musical com Manu cantora

Sábado (02/07)
17h30 – Show infantil Bolim & Bolão
18h30 – As Fulô do Sertão.
19h30 – Show Diago do Acordeon
21h – Quadrilha junina balança matuto
21h30 – Banda Rosa Xote

Parque da Cidadania

O Parque da Cidadania é mantido pela Prefeitura de Teresina, está localizado no bairro Cabral, na zona Norte da cidade. Conta com um amplo estacionamento, banheiros, praça de alimentação e segurança.

Para mais informações sobre o Arraiá Popular de Teresina, bem como todos os eventos culturais realizados com recursos municipais, basta acessar o site da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o cultura.pmt.pi.gov.br ou seguir a página cultura_the no Instagram.

Feira de arte e artesanato do Teatro João Paulo II inicia nesta sexta (10)

Inicia nesta sexta-feira (10) e segue até este sábado (11), a quinta edição do Projeto Art´Feira realizada no Teatro Municipal João Paulo II, que fica localizado na Avenida Joaquim Nelson, no Bairro Parque Ideal, na zona Sudeste de Teresina. O projeto tem como objetivo atrair mais público para as atividades culturais realizadas na casa de espetáculos, bem como incentivar o artesanato local e o microempreendedor local.

De acordo com Janara Ribeiro, diretora do teatro, esta edição terá apresentações de membros da Quadrilha Junina Balança Matuto, concurso da rainha caipira mirim, barracas com comidas típicas e ainda espaço de expositores com diversos produtos. Ainda segundo a diretora, dentro do teatro irá ocorrer uma apresentação de dança dirigida pelo professor Sidh Ribeiro, um dos mais respeitados mestres da dança do Estado do Piauí.

“Esse projeto é muito importante para a região do Grande Dirceu, onde o teatro está instalado, pois aproxima essa ferramenta cultural da população. Desde que iniciou, a feira vem atingindo seu objetivo, pois está levando para o espaço, pessoas que antes nunca haviam visitado o teatro”, comenta Janara Ribeiro, enfatizando ainda que o acesso a feira e ao teatro é totalmente gratuito.

O Teatro Municipal João Paulo II é um espaço mantido pela Prefeitura de Teresina por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura. Para mais informações sobre eventos realizados no teatro, bem como a abertura de vagas para os cursos realizados, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br ou seguir a página cultura_the no Instagram.

Orquestras e Banda 16 de Agosto realizarão diversas apresentações e ensaios pela cidade

Com a constante queda de casos registrados de Covid-19 na cidade, aos poucos a população vai voltando à realidade de antes da pandemia, onde participar de atividades sem preocupação com aglomerações era possível. Com isso, a Prefeitura de Teresina, através da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), realiza de 09 de junho a 01 de Julho, em vários pontos da capital, apresentações e ensaios das orquestras Sinfônica, Sanfônica, Violões e da Banda 16 de Agosto.

Essa iniciativa cultural tem como principal objetivo aproximar as ferramentas culturais da população teresinense, em especial aquelas que não dispõem de recurso ou tempo para acompanhar as apresentações que geralmente ocorrem nas casas de espetáculos. Nessa etapa, as orquestras e a Banda 16 de Agosto irão se apresentar na zona urbana, porém, ainda esse ano, comunidades rurais, a exemplo do ano passado, também serão beneficiadas com esse projeto.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, Ênio Portela, conta que aos poucos as atividades estão voltando a sua normalidade, e que por isso o prefeito Dr. Pessoa tem se reunido com técnicos da FMC para discutir investimentos e as ações a serem realizadas em Teresina. Para Ênio Portela, essa retomada só está sendo possível porque a população fez a sua parte a respeito da busca pela imunização, como também mantido o distanciamento social.

“Nessa luta contra a propagação do coronavírus, a população teresinense foi uma grande parceira dos órgão de saúde, pois concordaram em sua maioria com as decisões tomadas para salvar vidas. A Prefeitura Municipal de Teresina vem aos poucos retomando as atividades culturais com aglomerações, isso sempre ouvindo os técnicos da Fundação Municipal de Saúde”, conta Ênio Portela, enfatizando ainda que todos os meses haverá essa programação que será espalhada por toda a cidade.

Para acompanhar o calendário de apresentações e ensaios abertos, os interessados poderão buscar essas informações 24 horas por dia no site cultura.pmt.pi.gov.br ou na página cultura_the no Instagram. Todas as atividades são gratuitas, devendo o público ter o cuidado com a higienização das mãos e fazer o uso de máscara protetiva em casos de suspeitas de gripe.

Veja a programação

ORQUESTRA VIOLÕES
09/JUNHO – Galeria do Mercado Velho – 10h
15/JUNHO – Praça do Bairro Morada do Sol – 18h
19/JUNHO – Parque da Cidadania – 18h
30/JUNHO – Praça Pedro II – 17h

BANDA 16 DE AGOSTO

16/JUNHO – Praça Saraiva – Corpus Christi – 15h
20/JUNHO – Abertura Ano Letivo UFPI – 07h30
26/JUNHO – Parque da Cidadania – 17h

ORQUESTRA SINFÔNICA
12/JUNHO – Parque Matias Matos – 18h
16/JUNHO – Quarteto Cordas (Igreja das Dores) – 17h
19/JUNHO – Sinfonia nos bairro (Zona Sul) – 18h
22/JUNHO – Lagoas do Norte – 18h

ORQUESTRA SANFÔNICA

09/JUNHO – IBAMA – 16h
14/JUNHO – HEMOPI – 10h
16/JUNHO – Praça Saraiva – Corpus Christi – 16h
18/JUNHO – Arrasta Fé de Fátima – 19h
24/JUNHO – EMBRAPA – 10h
01/JULHO – Parque da Cidadania – 18h

Galeria do Mercado Central recebe exposição Pedido de Pauta

Iniciou nesta quarta-feira (01), e segue durante todo o mês de junho, na Galeria de Artes Visuais do Mercado Central, a exposição “Pedido de Pauta”, que irá unir em um só espaço, o trabalho de seis artistas teresinenses. O nome da exposição é uma singela homenagem aos artistas que diariamente comparecem à galeria para solicitar um pedido de pauta para exporem suas artes.

De acordo com Guga Carvalho, diretor da galeria, com o fim das restrições sanitárias por conta da pandemia do Coronavírus, o espaço tem recebido um crescente número de artistas interessados em expor, isso também segundo ele, por conta do aumento do público que voltou a frequentar a galeria. Guga conta ainda que artistas como Braga Tepi, Caio Negreiros, Humberto Cordeiro, João Marciano, Paulo Guttemberg e Samuel Brandão, estarão fazendo parte desse projeto.

“O Centro de Teresina tem uma grande referência cultural, sendo o Mercado Central, um dos principais pontos onde a cultura popular segue viva. Aqui na galeria oferecemos um espaço integrado, onde quem vai a feira para fazer as compras do dia a dia, acaba tendo acesso a obras de artistas renomados”, conta Guga Carvalho, reafirmando o compromisso do espaço de cada vez mais abrir espaço para aqueles que desejam um espaço apropriado para divulgar sua arte.

A Galeria do Mercado Central é um espaço preservado e mantido pela Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações desenvolvidas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Ela funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h00 e aos sábados das 10h às 13h00, sempre se dedicando a fazer uma programação permanente com exposições temporárias que contam com artistas da cidade e de todo o Brasil.

Para mais informações sobre exposição na Galeria do Mercado Central, bem como os demais serviços oferecidos pela gestão municipal na área da cultura, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. Nas redes sociais as informações podem ser acessadas através da hashtag CulturaTeresina ou da página @cultura_the no Instagram.

Prévia do Cajuína Pop irá reunir grandes nomes da música piauiense na Ponte Estaiada

Acontece neste sábado, 14 maio, no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, na zona Leste de Teresina, a prévia do Cajuína Pop, evento que irá valorizar a produção de músicas autorais, dando mais visibilidade e apoio aos artistas teresinenses. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que pretende ao longo deste ano, realizar inúmeras atividades culturais por toda a cidade, isso atendendo a uma orientação do prefeito Dr. Pessoa, de reforçar o apoio aqueles que enriquecem a cultura local.

A prévia do Cajuína Pop começa às 17 horas, e irá reunir as bandas Acesso, Aclive, Gramophone, Fullreggae, Roque Moreira e ainda o cantor Teófilo Lima. Além das atrações musicais, o evento contará com uma feira de apoio ao empreendedorismo, praça de alimentação e um posto de arrecadação de alimentos, que serão doados para as famílias carentes da cidade.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o evento está sendo realizado a pedido do prefeito Dr. Pessoa, que ao longo da gestão tem ouvido a classe artística, que sempre cobra mais eventos que valorize composições autorais, e principalmente os artistas da terra. Segundo o gestor da FMC, com a diminuição de casos do Coronavírus, a pasta cultural vem ampliando suas atividades, com isso adentrando espaços nunca antes ocupados.

“É preciso ter um olhar mais atento para todos os setores culturais do município, por isso estamos fazendo o Cajuína Pop, que é específico para aqueles que possuem novas canções autorais. Vamos fazer a prévia neste final de semana, porém estamos programando realizar o Cajuína Pop no segundo semestre deste ano”, conta Ênio Portela, afirmando que o evento promete movimentar a cidade.

Para mais informações sobre o Cajuína Pop, bem como as demais atividades realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também podem ser acessadas na página @cultura_the no Instagram ou através da hashtag #culturateresina.

Ao som de Patricia Mellodi, casais dirão o sim em casamento no Parque da Cidadania

Dona de uma voz encantadora e de outros grandes talentos, a cantora Patricia Mellodi é uma das atrações do Casamento Comunitário, que acontecerá neste sábado (7), às 7h30, no Parque da Cidadania, localizado no bairro Cabral, na zona Norte de Teresina. Ao todo, 100 casais deverão dizer o sim na atividade promovida pela Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

A parte cultural do casamento ficará por conta da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que, além de Patricia Mellodi, estará disponibilizando a Orquestra de Violões de Teresina e ainda um Duo de Sax. Ênio Portela, presidente da FMC, conta que essa atividade será um momento muito importante para os casais e que por isso a gestão municipal não poderia deixar de abrilhantar a festa com boas atrações musicais.

“Aproveitamos a passagem da cantora Patricia Mellodi pelo Piauí para presentear os casais. Temos certeza que será uma festa linda, ainda mais complementada pelo belo cenário do Parque da Cidadania”, comenta Ênio Portela, reafirmando que a FMC sempre apoiará as demais secretarias em eventos que beneficiem a população da capital.

Para quem deseja acompanhar de perto as ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, acesse o site cultura.pmt.pi.gov.br. Muitas das informações de eventos, cursos e apresentações também estão disponíveis na página @cultura_the no Instagram.

Servidores da cultura participam de curso sobre parcerias e prestação de contas

A qualificação do servidor público municipal de Teresina é uma das principais bandeiras defendidas pelo prefeito Dr. Pessoa, por conta disso, a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), em parceria com a Controladoria Geral do Município (CGM), investe na capacitação dos seus servidores para melhor atuarem em suas parcerias e prestações de contas. O curso realizado na quarta-feira (4), foi o primeiro de uma série que deverá ocorrer dentro da pasta responsável pelas políticas públicas na área da cultura.

Segundo Ênio Portela, presidente da FMC, ainda neste ano, os servidores passarão por novas etapas de qualificação para a melhoria nas relações do órgão com destinadores de emendas parlamentares, como também pessoas físicas e instituições parceiras. Para ele, é fundamental que o servidor esteja preparado para sanar as dúvidas daqueles que de alguma forma querem colaborar com as ações culturais realizadas dentro do município de Teresina.

“É preciso enriquecer os servidores de conhecimento, por isso estaremos sempre buscando opções de conhecimento. Além desta parceria com a CGM, vamos também buscar capacitação junto ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí”, conta Ênio Portela, enfatizando ainda que o primeiro curso foi bem recebido pelos servidores da FMC.

Para Alissa Costa, auditora fiscal da CGM, o curso realizado na Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves teve como objetivo explanar sobre a legislação municipal e federal que regem as parcerias firmadas entre os órgãos públicos e as organizações sociais. Ela conta também que, por falta de conhecimento, muitos dos processos acabam sendo prejudicados, porém com conhecimento técnico, os servidores também terão um papel importante nessas parcerias.

“A relevância deste curso é para alinhar as expectativas em relação às exigências legais e divulgar de forma correta em relação às prestações de contas referentes aos recursos públicos repassados às organizações sociais”, comenta Alissa Costa.

Para mais informações sobre as ações realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br.  No instagram, a FMC pode ser localizada através da página @cultura_the.