Curso “Marketing Digital para Artistas” inicia aulas em Teresina

A Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), através da Associação Maria do Amparo (AACEMA), deu início às aulas do curso de “Marketing Digital para Artistas”. A abertura ocorreu nesta segunda-feira (14), quando aconteceu o credenciamento de alunos e a primeira oficina.

O objetivo do curso é oferecer aos artistas a oportunidade para tenham uma melhor experiência com as ferramentas digitais, que hoje são bem importantes para quem deseja divulgar um trabalho artístico. Assim, eles podem empreender a partir do próprio talento. Ao final do curso os alunos receberão certificado com carga horária de 120 horas/aulas.

Ana Claudia é estudante de Artes Visuais da UFPI e realiza trabalhos de pintura e artesanato. No primeiro dia de aula, ela afirmou que o curso traz conhecimentos que ajudarão em seu trabalho. “Eu vi neste curso a oportunidade de melhorar a comunicação com o público e prospectar clientes. Dessa forma, a gente conseguir se colocar no mercado. Com certeza esse vai ser um plus pra gente dialogar melhor com o mercado”, explica.

O artista visual, Alex Rodrigues, começou a vender os seus trabalhos há dois anos, mas ainda não usa as redes sociais com essa finalidade. A partir dos conhecimentos com curso ele irá empreender online. “Ainda não comercializo no meio digital. Por enquanto eu vendo mesmo por uma rede de contatos, mas com essa iniciativa do curso será uma forma de entrar nessa área e atingir um público a mais”, afirma.

As aulas ocorrem presencialmente as segundas, quartas e sextas, a partir das 14 horas, no auditório José Alves Filho (Prédio do Senac Piauí – Unidade Miguel Sady), que fica na avenida Barroso, nº 1111, no Centro de Teresina.

Todos os protocolos de segurança estão sendo adotados, como higienização do ambiente antes e depois de cada aula, distanciamento mínimo entre os alunos, exigência do passaporte de vacinação, uso de máscara e disponibilização de higienização com álcool em gel.

Prefeitura de Teresina abre 300 vagas de cursos gratuitos nas zonas Sul e Norte

Atendendo ao pedido do prefeito Dr. Pessoa, a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), continua trabalhando na descentralização dos seus serviços, a fim de oferecer oportunidade igualitária para todos os teresinenses. No bairro Parque Wall Ferraz, que fica na região da Santa Maria da Codipi, na zona Norte de Teresina, serão disponibilizadas aos moradores da região, 100 vagas para cursos totalmente gratuitos nas áreas da dança e do canto.

Os cursos nas áreas de canto e dança, fazem parte do Projeto Canta & Dança e terão duração de seis meses, atendendo a um público que tenha entre 10 e 18 anos e que more na região onde ocorrerão os cursos. As aulas estão previstas para iniciarem no dia 01 de março, e irão ocorrer na Escola Municipal Professor José Gomes Campo, que fica localizada na Rua Chico Conrado, S/N.

Para se inscrever nestes cursos, os interessados devem enviar as documentações dos alunos e responsáveis (RG ou CPF e comprovante de residência), apenas de forma on-line via whats-app: 86 99800-6923 ou para o e-mail: cantaedancateresina@gmail.com, sendo que na mensagem deve conter o nome do curso escolhido.

PROJETO ARTISTAS DO AMANHÃ

No bairro Ilhotas, na zona Sul Teresina, também serão abertas outras turmas, desta vez dentro do Projeto Artistas do Amanhã, oferecendo à população 200 vagas de cursos nas áreas de dança, canto e teatro para pessoas com idades entre 10 e 18 anos. Os cursos são gratuitos e já iniciam no próximo dia 14 de fevereiro, os mesmos terão duração de três meses, sendo os mesmos abertos a pessoas de todas as regiões da cidade.

As aulas deverão ocorrer de forma presencial na Associação Fraternidade, que fica localizada na Rua São Lourenço, bairro Ilhotas, próximo ao CIES. As inscrições serão feitas via whats-app: (86)99948-2542, devendo constar na mensagem o curso desejado, bem como o comprovante de endereço, RG ou CPF dos responsáveis e dos alunos.

De acordo com Ênio Portela, presidente da FMC, a pasta da cultura vem buscando fortalecer parcerias para que os cursos na área da cultura possam chegar a um maior número de cidadãos teresinenses. O intuito do gestor é fazer com que as pessoas, principalmente as mais carentes, tenham essas opções perto de suas casas, a fim de evitarem gastos com deslocamentos.

“Um curso muda a vida de qualquer cidadão, aqui mesmo na Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves temos muitos exemplos, como por exemplo o renomado maestro Ivan Silva, da Orquestra Sanfônica de Teresina, que iniciou como aluno e hoje percorre o país levando o melhor da nossa cultura. São oportunidades que devem ser agarradas pelos pais, pois sabemos que esses cursos são importantes ferramentas no desempenho escolar, bem como no combate a criminalidade, pois em nossos projetos temos muitos jovens que deixaram a criminalidade para se dedicar a nossa cultura”, comenta Ênio Portela.

Para mais informações sobre estes cursos ou novas ofertas, a população deve buscar o instagram @cultura_the ou o site cultura.pmt.pi.gov.br, que são os dois meios de divulgação da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves.

Teresina terá curso para capacitação de artistas em Marketing Digital

A Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), promove por meio da Associação Maria do Amparo (AACEMA), o curso ‘Marketing Digital para Artistas; Capacitação e Empreendedorismo’. O lançamento oficial acontecerá em solenidade nesta terça-feira (25), a partir das 10 horas, no Palácio da Música, localizado no Centro de Teresina.

De acordo com Ênio Portela, presidente da FMC, o objetivo do curso é formar artistas e profissionais da produção cultural para lidar com as novas ferramentas online para que eles possam empreender a partir do próprio talento. De acordo com o presidente, o curso é gratuito e aberto à comunidade artística.

“As inscrições estarão abertas a partir de segunda-feira (25) e seguem até o dia 11 de fevereiro. Ao final das aulas, os alunos receberão certificado com carga horária de 120 horas”, afirma Ênio Portela, enfatizando ainda que as vagas são limitadas.

Segundo Ravenna Araújo, coordenadora do curso, as disciplinas do curso de Marketing Digital envolvem conhecimentos sobre mídias sociais, criação, planejamento e produção de conteúdo em vídeos e análise de métricas. As aulas ocorrerão às segundas, quartas e sextas-feiras, das 14 horas até às 17 horas, entre os dias 14 de fevereiro e 11 de março na sala da Palavra Assis Brasil, no Sesc Cultural, que fica na avenida Raul Lopes, n° 513, bairro Noivos.

Ravenna Araújo, coordenadora do curso

“Pensamos em módulos que vão de noções básicas do Marketing Digital até o uso de ferramentas mais complexas com ferramentas de impulsionamento. Teremos convidados especialistas que vão falar sobre a parte de produção fotográfica voltada para rede social e também sobre Facebook ADS”, afirma Ravenna Araújo, esclarecendo ainda que o curso conta com investimentos de emendas parlamentares repassadas pelo vereador Venâncio Cardoso.

Para mais informações sobre inscrições ou detalhamento do curso, o interessado poderá entrar em contato com a organização do mesmo por meio do telefone (86) 3085-3892.

Prefeitura de Teresina lança Edital de Chamamento Público para artistas

Inicia na próxima segunda-feira (29/11), as inscrições do Edital de Chamamento Público para a seleção de artistas em diversas áreas culturais que deverão atuar em atividades públicas realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), órgão responsável pela fomentação das políticas públicas voltadas para o setor cultural no município de Teresina. O edital vem em meio a uma necessidade de se valorizar o artista local, que foi o primeiro a ser abalado com as medidas restritivas adotadas por conta da pandemia do coronavírus.

De acordo com Ênio Portela, presidente da FMC, serão agraciados neste edital, artistas das áreas de dança, teatro, circo e stand-up, onde cada selecionado terá que participar de uma atividade pública no mês de dezembro, sendo os mesmos contemplados com um cachê no valor de R$ 2 mil reais.

“Nesta etapa os artistas terão até o dia 31 de dezembro deste ano para serem chamados para participarem de atividades realizadas ou patrocinadas pela Prefeitura de Teresina. Essa foi a forma encontrada pela gestão para que de forma democrática, sejam escolhidos os prestadores de serviços que irão participar das atividades culturais”, conta Ênio Portela.

As inscrições para o edital seguem até o próximo dia 02 de dezembro e devem ser feitas na sede da FMC, que funciona das 07h às 13h, na Rua Félix Pacheco nº 1440, Centro/Sul. Todas as dúvidas sobre o processo devem ser consultadas no edital que está disponível no link   DOCUMENTOS), do site cultura.pmt.pi.gov.br.

CLIQUE AQUI E VEJA O EDITAL!

Teresina garante oportunidades para alunos do curso de biblioteconomia

Com o objetivo de colaborar com o enriquecimento profissional de universitários residentes na capital e também melhorar o atendimento nas bibliotecas públicas, a Prefeitura de Teresina assinou o contrato junto com a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves e a Universidade Estadual do Piauí para dar oportunidade para alunos do curso de biblioteconomia. Nesta primeira etapa estão sendo beneficiados 14 estudantes, sendo que no mês de dezembro serão contratados outros 14 que irão ter uma carga horária de 50h.

Atualmente a gestão municipal mantém sete bibliotecas públicas em funcionamento, elas geram emprego e também oportunidades para aqueles que desejam estudar em um local dotado com a estrutura necessária para se realizar um bom estudo. Anualmente as bibliotecas municipais atendem cerca de 35 mil teresinenses, porém por conta da pandemia esse número vinha caindo, tendo melhorado com as buscas por conta dos concursos públicos e do ENEM.

O presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, Ênio Portela, conta que no campo de estágio, o aluno é colocado em situação de aprendizagem por meio da prática profissional cotidiana, que na maioria das vezes, torna-se um desafio, isso considerando que o aluno ainda não possui experiência de trabalho. o presidente reitera ainda que o estágio amplia a formação profissional a partir da vivência, da busca de novos conhecimentos, de novos valores com relação ao trabalho, exigindo do estagiário, além de um bom desempenho técnico de sua área de abrangência, habilidades para solucionar questões do cotidiano e criatividade para inserir novos produtos de informação na biblioteca.

“Essa é uma oportunidade dupla, já que beneficia os estudantes e as bibliotecas, por isso ficamos felizes com esse projeto de incentivo para aqueles que desejam ingressar profissionalmente nas bibliotecas. Esses alunos vão atuar sob supervisão de profissionais que já atuam nesses espaços, por isso estamos cientes de que o projeto tem tudo para dar certo”, conta Ênio Portela.

Uma das beneficiadas com o estágio é a jovem Pétala Medeiros Leite, de 21 anos, aluna do sexto período do curso de biblioteconomia da UESPI, ela conta que o estágio é importante para a sua carreira profissional, já que é na prática que ela e seus colegas conseguiram lograr êxito na carreira escolhida. Ela enfatiza ainda que na prática eles terão a oportunidade de trabalhar o serviço de excelência, garantindo uma melhor experiência aos consulentes.

“É o fazer da teoria construída em sala de aula, é nessa prática que a gente percebe o que se diferencia do que foi ensinado na universidade. Pretendemos analisar o comportamento dos consulentes, acervo, o sistema de maneira geral, para que possamos ter uma análise concreta do fazer, na prática”, conclui Pétala Medeiro.

AS BIBLIOTECAS MUNICIPAIS

Por conta das medidas protetivas tomadas devido ao novo coronavírus, as bibliotecas municipais estão funcionando apenas de segunda a sexta-feira, das 08h às 13h, as mesmas também funcionam com um banco de empréstimo, onde após realizar um cadastro, o consulente pode levar para casa o livro desejado. A lista completa com os endereços das bibliotecas municipais está disponível no link (nossas casas), disponível no site cultura.pmt.pi.gov.br.

Prefeitura de Teresina realiza curso e terá programação cultural no Dia do Servidor

A Prefeitura de Teresina, por meio dos órgãos que compõem a administração municipal, dispõe aos servidores serviços e ações de qualificação e bem-estar. Comemorado no próximo dia 28 de outubro, o Dia do Servidor Público será marcado com a realização de várias atividades, entre elas, na Escola de Gestão de Teresina e a tradicional festa do Dia do Servidor, comemorada há 30 anos.

Após o período da pandemia da Covid-19, as atividades da Escola de Gestão de Teresina (EGT) foram retomadas. A Escola tem como objetivo a oferta de cursos gratuitos para capacitar servidores e funcionários em suas áreas de atuação.

Criada em 2019, a Escola de Gestão está vinculada à Secretaria Municipal de Administração (SEMA). As aulas desta primeira turma acontecem no auditório da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) com a oferta do curso “Noções de Orçamento Público”, que aconteceu dias 6 e 8 de outubro.

“Estamos muito felizes de retomar as atividades da Escola, de voltar com a oferta de cursos aos servidores para melhorarmos ainda mais o desempenho das atividades e trabalhar com assertividade, sempre pensando no melhor resultado que será oferecido à população. Agradeço a todos que se dispuseram a contribuir para esse novo período de cursos e, com certeza, sairão com muito conhecimento”, explicou Leonardo Silva.

Clube do Servidor terá programação especial

Para celebrar o Dia do Servidor, a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) preparou uma programação especial, que acontecerá no próximo domingo (31). Os servidores públicos de Teresina estarão reunidos no Clube do Servidor, a partir do meio-dia, e contarão com a animação da cantora Janaina e Banda e de um trio de forró pé de serra da Orquestra Sanfônica de Teresina.

O presidente da União dos Servidores Municipais de Teresina (USMT), Henrique da Saúde, fala que, apesar dos desafios, a classe está muito otimista com a atual gestão, pois, segundo ele, já foi aberto um canal de diálogo com o prefeito Dr. Pessoa.
“Entendemos que a gestão ainda está no seu início, porém, fico feliz em saber das boas intenções do prefeito para com o servidor público. É a primeira vez que estamos sendo ouvidos de verdade, inclusive o Dr. Pessoa já sinalizou que irá alocar recursos para reformar o Clube do Servidor”, conta Henrique da Saúde, afirmando ainda que a festa de domingo será gratuita para os servidores municipais e que serão tomadas todas as medidas sanitárias para evitar a transmissão do coronavírus.

Esse ano, as atrações culturais foram cedidas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que pretende formalizar uma parceria com a USMT para a realização de outras atividades no Clube do Servidor. Para Antoniel Ribeiro, produtor cultural da FMC, os servidores são os grandes responsáveis pela excelência da gestão municipal, por isso, merecem ser atendidos pela pauta cultural.

“Essa é apenas a primeira de muitas atrações que iremos ceder para o Clube do Servidor, pois entendemos que os servidores também precisam de momentos de lazer, por isso iremos nos alinhar com a USMT para a realização de novas atividades”, comenta Antoniel Ribeiro.

O Clube do Servidor fica localizado na Rua Minas Gerais, 1049, no bairro Matadouro, na zona Norte de Teresina.

Alunos do Projeto Banda Escola recebem Wilker Marques em live nesta quinta-feira (20)

Os alunos do Projeto Banda Escola de Teresina estão desde março de 2020 com suas atividades de forma on-line. Com aulas três vezes por semana, com uma hora de duração cada, eles ainda têm acesso às lives semanais que complementam o conteúdo.

De acordo com Melque Gabriel, o convidado dessa semana é Wilker Marques, músico teresinense, clarinetista e saxofonista, que também é professor de filosofia do Instituto Federal do Piauí e ex-clarinetista da Orquestra Sinfônica de Teresina e ainda foi um dos responsáveis pelo início do ensino de clarinete na cidade.

“A nossa intenção ao realizar essas lives é apresentar pra nova geração os grandes músicos responsáveis pelo ensino do instrumento”, explica Melque Gabriel, professor da Banda Escola Maestro Aurélio Melo, que funciona na região do Vale do Gavião, na zona Leste de Teresina.

Para Cleidiomar Nascimento, Coordenador do Projeto Banda Escola, as lives são muito importantes nesse momento difícil que vivemos. “Além de proporcionar aos alunos o contato com profissionais da música, as lives ajudam também na dinâmica do ensino remoto que tem se tornado uma realidade desde o início da pandemia do coronavírus”, reforça Cleidiomar Nascimento.

O projeto Banda Escola é executado pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, no âmbito das unidades escolares do município. Ele promove espaços lúdicos e de criação, sobretudo para jovens e adolescentes que estejam passando por dificuldades na escola e na comunidade, oferecendo-lhes uma nova perspectiva, possibilidades de socialização e o potencial de iniciação profissional em uma carreira artística na área da música.

O projeto cumpre um importante papel social e educativo ao colocar no mercado novos instrumentistas com sólida formação musical, prática e teórica, desempenhando um papel fundamental para a preservação e continuidade da produção cultural das bandas de músicas em várias cidades do estado, além de tirar as crianças de situações de risco e mantê-las ligadas à educação por meio das artes.