Seguindo as recomendações do decreto de número 20.525, do Governo do Estado do Piauí, a Prefeitura de Teresina (PMT), através da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), irá suspender durante a validade do decreto, todas as atividades culturais financiadas com recursos da gestão municipal. A princípio estão suspensos os projetos presenciais: Cultura Itinerante, Vem pra Ponthe, Feirarte, e a Semana Cultural que deveria ser realizada na região do Grande Dirceu, durante a segunda semana do mês de fevereiro.

Ainda nesta mesma linha, seguirão suspensas a realização do Corso 2022, bem com as demais atividades carnavalescas que gerem aglomeração e que seriam custeadas através dos investimentos públicos do município. A recomendação da fundação cultural é que a população que queira buscar outros tipos de opções culturais, que façam o uso de máscaras e o principal, cumprir todo o calendário vacinal, tomando as doses recomendadas nas datas previstas.

Segundo Ênio Portela, presidente da FMC, o prefeito Dr. Pessoa se mostrou preocupado com o aumento de casos, e ainda na noite de ontem, orientou a pasta da cultura sobre o cancelamento das atividades, bem como tomar outras medidas que venham a garantir a segurança dos cidadãos teresinenses. Ainda segundo o gestor, assim que liberada, a gestão cultural continuará com seus projetos levando cultura para os bairros e comunidades rurais de Teresina.

“É preciso uma união de todos neste momento, já avançamos muito na imunização dos teresinenses, porém entendemos que esse número precisa melhorar. A população também deve fazer a sua parte, evitando aglomerações, higienizando as mãos e fazendo o uso de máscaras. Nossa intenção é voltar com as atividades culturais o mais rápido possível, porém isso só será viável se a população se unir aos órgãos de saúde”, conta Ênio Portela.

TEATROS MUNICIPAIS E DEMAIS CASAS CULTURAIS

Os teatros municipais continuarão abertos, onde serão realizados alguns eventos particulares, porém a capacidade desses espaços continuará reduzida, devendo o cidadão apresentar o passaporte da vacina ao adentrar a esses locais. As demais casas também seguem as medidas sanitárias, todas com público reduzido e com disponibilidade de totens de álcool 70%.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).